RÁDIO SAGRADA UMBANDA - OUÇA - USE OS CONTROLES PARA O VOLUME OU PAUSAR AS MÚSICAS

quarta-feira

DIA 27 DE SETEMBRO FESTA NO CONGÁ SAGRADO - FESTA IBÊJIS - DE COSME - DAMIÃO E DOUM





Imagem de Pintura da Maravilhosa Artista Plástica: Claudia Krindges
















Imagem recebida de uma amiga











Imagem de Pintura da Maravilhosa Artista Plástica: Claudia Krindges











Imagem de Pintura da Maravilhosa Artista Plástica: Claudia Krindges


















"Oxumaré ou Oxumarê"  e os  "Erês".


Cosme e Damião, Santos Católicos: Algumas histórias contam que dois gêmeos Médicos, pelo fato de servir ao Povo gratuitamente afrontando assim o Governo de Roma, foram perseguidos e mortos. Primeiro foram amarrados e jogados de um despenhadeiro, mas não se feriram. Tentaram afogá-los, mas foram salvos por anjos. Tentaram então apedrejá-los, mas as pedras atiradas voltavam a seus agressores sem ...feri-los. Por fim, foram degolados. Esses dois personagem foram Santificados pela Igreja Católica, bem como São Jorge, porém pasmem , por serem usados pelos Escravos e até por nós para representar a Força dos Orixás OGUM e IBEJIs, houve grande movimento para DESCLASSIFICAREM ou DESANTIFICÁ-LOS... Por isso particularmente acho que quem Santifica é Deus. Bem mas vamos lá, continuando com minha postagem...

Diz-se que, depois de mortos, passaram a proteger as crianças que sofriam abusos, aparecendo a elas. Por isso são considerados protetores de todos os pequenos.

Nós Umbandistas comemoramos a Linha de Erês ! Faz-se festa nos terreiros, com bolo, refrigerante, balas e doces distribuídos às crianças. Em alguns terreiros os sacerdotes distribuem também brinquedos. É um verdadeiro Natal fora de época!
Sofremos preconceitos pela Religiões também Cristãs mas equivocadas, pelo fato que tudo na Umbanda seja gratuito, excluímos aqui logicamente os Marmoteiros e Criminosos, que exploram a fé, cobrando valores, fazendo falsas promessas, aterrorizando pessoas com mentiras e ainda semeando discórdia e desamor entre Irmãos, pois somos todos Filhos de Deus. Infelizmente eles estão presentes em todas vertentes religiosas". Por Isaias Pintto Hernnanndes - Sacerdote da Sagrada Umbanda

Erês
Mas quem são os Erês? Erê vem de “iré”, que significa “brincadeira, divertimento” no dialeto africano Yorubá. Os Erês são seres naturais, ou seja, não são humanos, nem nunca encarnaram na Terra. Eles vivem numa dimensão onde o amor é a força sustentadora de sua evolução. Lá nascem, crescem, aprendem e evoluem. Nessa dimensão são guardados, protegidos e amparados por todas as mães orixás, que os orientam para que evoluam com consciência da leis divinas.

Esses seres incorporam nos médiuns de Umbanda e com suas brincadeiras, seus carrinhos, bonecas e brincadeiras, conseguem ir ao âmago dos consulentes, tirando de seus corações mágoas profundas, que só a inocência do amor verdadeiro pode curar. São excelentes para desfazer trabalhos negativos, e conseguem nos fazer rir mesmo nas situações mais difíceis.

Para a incorporação de um Erê o médium deve estar muito bem energeticamente, em paz e sem ter comido ou bebido nada muito forte ou de difícil digestão, pois a energia desses pequenos é muito mais refinada que a nossa. Lembremos que estes Espíritos trabalhadores apresentam-se na pureza de uma criança, isso não quer dizer que sejam crianças, mas sim por vezes velhos e sábios espíritos. Ao deparar com Médiuns irradiados com atitudes de criança mal comportada, birrenta e até mal educada, tenha certeza você está à frente de um pobre médium equivocado, muito mal irradiado se pelo menos isso estiver, mal preparado e mal orientado e ofuscando a Umbanda, sua Casa e desrespeitando assistidos com tal conduta. Erês pedindo coisas absurdas como brinquedos sem simplicidade , mamadeiras com leite, jogando coisas nos outros também estão no mesmo patamar, médiuns necessitando de orientações e mais desenvolvimento mediúnico, através de controle de respiração, aprendizado e exercícios dos controles de chakras (ou chacras como queiram), meditações e relaxamentos. ( Observem que brinquedinhos simples, bolas, bexigas, docinhos, bolos os Erês usam como material magístico e condutores de energias positivas e também usam para efeitos psicológicos positivos nas crianças, cortando sintonias mentais e vibracional com espíritos negativos ou densos, bem como outras energias nocivas a crianças e adultos ) Três Linhas que necessitam um grande poder de concentração: Povo do Oriente, Linha das Crianças e Pretos(as) Velha(as), pela sutileza e pureza. Pela distancia que se encontra esses espíritos trabalhadores da densidade da matéria e das coisas deste Planeta. Tenho maior prazer de amparar e acolher os médiuns que procuram evoluir, porém somente pela verdade e afastamento de utopias e vícios mediúnicos. Isaias Pinto - Sacerdote Sagrada Umbanda



Oxumaré ou Oxumarê. (Uma questão de pronúncia)

A linha de Erês é regida pelo orixá Oxumaré, masculino, absorvente, de polaridade negativa, juntamente com seu par magnético Oxum, feminina, irradiante, de polaridade positiva. Oxumaré é o orixá que rege a renovação em todos os sentidos da vida, e sendo assim sempre está representado junto ao arco-íris divino. Sua cor é o turquesa, assim como sua pedra. O caduceu, como símbolo de cura e regeneração também pode representá-lo, assim como a serpente que faz um oito sobre si mesma mordendo a própria cauda – ela representa o infinito, a renovação constante, a reencarnação. Oxum irradia amor e abundância, e Oxumaré transmuta todos os excessos, renovando nossos sentidos para que possamos “renascer” sempre.

Faço Lembrar que Oxumarê é um Orixá Dual, como outros que assim atuam vibracionalmente. Eles tem dupla polaridade, nada tendo haver com homossexualismo, que é uma postura e opção sexual, exercida pelo livre arbítrio de cada homem ou mulher adulto, devendo ser respeitada tanto pelo Homem bem como pelas Religiões.

Oração de Oxumarê ou Oxumaré como queiram:

Eu Sou o Arco-íris Divino.

Através de meu Pai, de Sua Lei e Justiça, distribuo a renovação aos Filhos da Terra.

Do centro do Amor Divino, suas Sete irradiações descem até os homens, e Eu as renovo.

Sou o início quando se chegou ao fim; e sou o fim de todos os inícios;
Eu Sou a pureza e a inocência, a virtude e o renascimento;

Eu Sou o esquecimento do velho para que o novo possa nascer.

Através de meus filhos diretos restrinjo os excessos no coração dos homens:
A paixão e a fúria serão por mim consumidas, até que só o Amor perdure.

Qual luz que passa pelo prisma, meu Amor se espalha pelo mundo;
Divido-o com todos, até com aqueles que não sabem de mim.

Sob meu manto multicolorido estão todos os inocentes,
Portanto ai daqueles que atentarem contra eles!

Como serpente hei de abraçá-los, e no meu abraço deixarão suas lágrimas
Até que transmutem sua sombra num arco-íris de Amor.

Eu Sou Oxumaré!

(Parte do texto por Sarah Siqueira-Net)

Arô boboi Oxumare! Ayê yê Oxum! Arrô boboi Oxumarê






















"A religião mais completa e melhor sempre será a Ecologia, assim nos ensinam os abençoados Pretos Velhos." Sagrada Umbanda Sacerdote Isaias Pinto



Foto

SAGRADA UMBANDA - HOMENAGEM 2013
Sala de Cursos e Irradiações, sendo preparada para Homenagens.



QUE AS BENÇÃOS DE IBEJIs RECAIAM A TODOS NÓS... DITA A MITOLOGIA YORUBÁ QUE DOIS SIMPÁTICOS GÊMEOS TINHAM POR CONDUTA, AJUDAR A TODOS QUE ENCONTRAVAM COM DIFICULDADES NÃO COBRANDO ABSOLUTAMENTE NADA, MAS ACEITAVAM COMO AGRADECIMENTO..., DOCES QUEM OS LHES OFERTAVAM.... DETERMINADO DIA OS DOS DOIS FORAM A BEIRA DE UM RIO, ONDE UM AO ENTRAR NAS ÁGUAS FORA ARRASTADO, AFOGANDO-SE, DESENCARNANDO..... MUITO TRISTE E SOFRENDO O IBEJI QUE FICARA VIVO, CLAMAVA AO ALTO, ELEVAR-SE PARA ENCONTRO COM SEU IRMÃO. DE TANTO VÊ-LO PENAR OBATALÁ (DEUS, CRIADOR DA TERRA). ELEVOU-O, MAS DEIXANDO DUAS ESTATUETAS REPRESENTANDO-OS, ONDE OS QUE NECESSITARIAM DE AJUDAS, DEVERIAM SOLICITAR VIBRAÇÕES DESTES BONS JOVENS, OFERTANDO DOCES E ALEGRIA. O DIA DE HOJE, 27 DE SETEMBRO, NOS RELIGIOSOS DA UMBANDA E DAS NAÇÕES DO CANDOMBLÉ, REVERENCIAMOS IBEJIS , BEM COMO SÃO COSME, SÃO DAMIÃO, SANTOS CATÓLICOS QUE REPRESENTAM ( SINCRETIZAM ) OS PERSONAGENS IBEJIs (GÊMEOS BONDOSOS E SAGRADOS). NÓS DA SAGRADA UMBANDA BEM COMO OUTRA UMBANDAS, TAMBÉM HOMENAGEAMOS DOUN ( O IRMÃO MAIS NOVO DE COSME E DAMIÃO, GÊMEOS MÉDICOS, BONDOSOS QUE MORRERAM MÁRTIRES POR EXERCER A MEDICINA GRATUITA AOS POBRES. COMO A UMBANDA NÃO FAZ DISTINÇÃO, FAZEMOS REVERÊNCIAS A DOUN TAMBÉM QUE TEMOS COMO REPRESENTANTE ( SINCRETIZA ) OUTRA ENTIDADE DE UMBANDA, OS MÍRINS, ELEMENTAIS OU ELEMENTARES COMO ALGUNS GOSTAM DE NOMEÁ-LOS, ENTIDADES SERVIÇAIS DA LEI MAIOR DE DEUS QUE TEM POR TRABALHO.... "DESINTEGRAR" ENERGIAS DENSAS, NÃO TRANSFORMÁ-LAS EM POSITIVAS COMO OUTRAS ENTIDADES TEM O PODER DE FAZER. ENTÃO..... NESTE DIA 27 DE SETEMBRO COMO EMT TODOS OS DIAS DO ANO.... SALVE IBEJIS ! SALVE SÃO COSME, SÃO DAMIÃO E DOUN E TODAS CRIATURAS DA LUZ E DA LEI MAIOR DE DEUS ! Isaias Pinto Hernandes - Sacerdote da Sagrada Umbanda - Umbanda séria para pessoas sérias. www.sagrada-umbanda.blogspot.com.br

Estudos e Curiosidades sobre Ibeji:
Ibeji ou Igbej em algumas Nações do Candomblé.
Ìbejì ou Ìgbejì - é divindade gêmea da vida, protetor dos gêmeos (twins) na Mitologia Yoruba, identificado no jogo do merindilogun pelos odu ejioko e iká.

Dá-se o nome de Taiwo ao Primeiro gêmeo gerado e o de Kehinde ao último. Os Yorùbás acreditam que era Kehinde quem mandava Taiwo supervisionar o mundo, donde a hipótese de ser aquele o irmão mais velho.(nascer primeiro)
Cada gêmeo é representado por uma imagem. Os Yorùbá colocam alimentos sobre suas imagens para invocar a benevolência de Ìbejì. Os pais de gêmeos costumam fazer sacrifícios a cada oito dias em sua honra.

O animal tradicionalmente associado a Ìbejì é o macaco COLOBO, um cercopiteco endêmico nas florestas da África subsariana. A espécie em questão é o colobus Polykomos, ou "Colobo Real", que é acompanhado de uma grande mística entre os povos africanos. Eles possuem coloração preta, com detalhes brancos, e pelas manhãs eles ficam acordados em silêncio no alto das árvores, como se estivessem em oração ou contemplação, daí eles serem considerados por vários povos como mensageiros dos deuses, ou tendo a habilidade de escutar os deuses. A mãe Colobo quando vai parir, afasta-se do bando e volta apenas no dia seguinte das profundezas da floresta trazendo seu filhote (que nasce totalmente branco) nas costas. O Colobo é chamado em Yorùbá de edun oròòkun, e seus filhotes são considerados a reencarnação dos gêmeos que morrem, cujos espíritos são encontrados vagando na floresta e resgatado pelas mães Colobos pelo seu comportamento peculiar.

Na África , as crianças representam a certeza da continuidade, por isso os pais consideram seus filhos sua maior riqueza.

A palavra Igbeji que dizer gêmeos. Forma-se a partir de duas entidades distintas que coo-existem, respeitando o princípio básico da dualidade.



Eo outra versão Mitológica Africana.... Contam os Itãs (conjunto de lendas e histórias passados de geração a geração pelos povos africanos), que os Igbejis são filhos paridos por Iansã, mas abandonados por ela, que os jogou nas águas. Foram abraçados e criados por Oxum como se fossem seus próprios filhos. Doravante, os Igbejis passam a ser saudados em rituais específicos de Oxum e também recebem oferendas.

Entre as divindades africanas, Igbeji é o que indica a contradição, os opostos que caminham juntos, a dualidade. Igbeji mostra que todas as coisas, em todas as circunstâncias, têm dois lados e que a justiça só pode ser feita se as duas medidas forem pesadas, se os dois lados forem ouvidos.

Na África, O Igbeji é indispensável em todos os cultos. Merece o mesmo respeito dispensado a qualquer Orixá, sendo cultuado no dia-a-dia. Igbeji não exige grandes coisas, seus pedidos são sempre modestos; o que espera como, todos os Orixás, é ser lembrado e cultuado. O poder de Igbeji jamais podem ser negligenciado, pois o que um orixá faz Igbeji pode desfazer, mas o que um Igbeji faz nenhum outro orixá desfaz. E mais: eles se consideram os donos da verdade.

  1. Os gêmeos (Ibeji entre os Yorubas e Hoho entre os Fon) são objeto de culto. Por alugmas Nações Africanas e até por algumas Linhas de Nações do Candomblé (pois o Candomblé é a palavra que representa um conjunto vasto de Nações distintas de Culto ) Não são nem Orixá e nem Vodun, mas o lado extraordinário desses duplos nascimentos é uma prova viva do princípio da dualidade e confirma que existe neles uma parcela do sobrenatural, a qual recai em parte na criança que vem ao mundo depois deles.

    Recomenda-se tratar os gêmeos de maneira sempre igual, compartilhando com muita equidade entre os dois tudo o que lhes for oferecido. Quando um deles morre com pouca idade o costume exige que uma estatueta representando o defunto seja esculpida e que a mãe a carregue sempre. Mais tarde o gêmeo sobrevivente ao chegar à idade adulta cuidará sempre de oferecer à efígie do irmão uma parte daquilo que ele come e bebe. Os gêmeos são, para os pais uma garantia de sorte e de fortuna.

    Já no Brasil
    Ibeji - Existe uma confusão latente entre Ibeji e os Erês. É evidente que há uma relação, mas não se trata da mesma entidade, confundindo até mesmo como Orixá.

    Ibeji, são divindades gêmeas, sendo costumeiramente sincretizadas aos santos gêmeos católicos Cosme e Damião.

    Por serem gêmeos, são associados ao princípio da dualidade; por serem crianças, são ligados a tudo que se inicia e brota: a nascente de um rio, o nascimento dos seres humanos, o germinar das plantas, etc.

    Seus filhos são pessoas com temperamento infantil, jovialmente inconsequente; nunca deixam de ter dentro de si a criança que já foram. Costumam ser brincalhonas, sorridentes, irrequietas, tudo enfim que se possa associar ao comportamento típico infantil. Muito dependentes nos relacionamentos amorosos e emocionais em geral, podem então revelar-se teimosamente obstinados e possessivos. Ao mesmo tempo, sua leveza perante a vida se revela no seu eterno rosto de criança e no seu modo ágil de se movimentar, sua dificuldade em permanecer muito tempo sentado, extravasando energia. (Na Sagrada Umbanda Ibeji e outros Orixás,como Oxumarê, Ossaim (Ossãe), Exu, Nanã, Oyá Tempo Logunam, Ewa, Logum Edé, Obá, Egunitá, Omulú, Obaluayê não assumem a Regência de Coroa de Médiuns, mas sim outro Orixá conforme arquétipo e vibração mais próxima e cultuada por nós.)

    Voltando aos Filhos de Ibejis.... Podem apresentar bruscas variações de temperamento, e certa tendência a simplificar as coisas, especialmente em termos emocionais, reduzindo, à vezes, o comportamento complexo das pessoas  
    1. que estão em torno de si a princípios simplistas como "gosta de mim" ou "não gosta de mim". Isso pode fazer com que se magoem e se decepcionem com certa facilidade. Ao mesmo tempo, suas tristezas e sofrimentos tendem a desaparecer com facilidade, sem deixar grandes marcas. Como as crianças em geral, gostam de estar no meio de muita gente, das atividades esportivas, sociais e das festas.


      Crianças na Umbanda
      Ibeji no Batuque
      Bêji no Xambá

      A grande cerimônia dedicada a Ibeji acontece a 27 de setembro, dia de Cosme e Damião, quando comidas como caruru, vatapá, bolinhos, doces, balas (associadas às crianças, portanto) são oferecidas tanto a eles como aos freqüentadores dos terreiros.

      Ibeji no Candomblé - Nação Keto, ou Nvunji nas nações Angola e Congo. É a divindade da brincadeira, da alegria; sua regência está ligada à infância. Ibeji está presente em todos os rituais do Candomblé pois, assim como Exu, se não for bem cuidado pode atrapalhar os trabalhos com suas brincadeiras infantis, desvirtuando a concentração dos membros de uma Casa de Santo.

      É a divindade que rege a alegria, a inocência, a ingenuidade da criança. Sua determinação é tomar conta do bebê até a adolescência, independente do orixá que a criança carrega. Ibeji é tudo de bom, belo e puro que existe; uma criança 
      1. pode nos mostrar seu sorriso, sua alegria, sua felicidade, seu engatinhar, falar, seus olhos brilhantes.

        Na natureza, a beleza do canto dos pássaros, nas evoluções durante o vôo das aves, na beleza e perfume das flores. A criança que temos dentro de nós, as recordações da infância. Feche os olhos e lembre-se de uma felicidade, de uma travessura e você estará vivendo ou revivendo uma lenda dessa divindade. Pois tudo aquilo de bom que nos aconteceu em nossa infância, foi regido, gerado e administrado por Ibeji. Portanto, ele já viveu todas as felicidades e travessuras que todos nós, seres humanos, vivemos.

        A palavra Eré vem do yorubá, iré, que significa "brincadeira, divertimento". Daí a expressão siré que significa “fazer brincadeiras”. O Ere(não confundir com criança que em yorubá é omodé) aparece instantaneamente logo após o transe do orixá, ou seja, o Ere é o intermediário entre o iniciado e o orixá. Durante o ritual de iniciação, o Ere é de suma importância pois, é o Ere que muitas das vezes trará as várias mensagens do orixá do recém-iniciado.

        O Ere na verdade é a inconsciência do novo omon-orixá, pois o Ere é o responsável por muita coisa e ritos passados durante o período de reclusão. O Ere conhece todas as preocupações do iyawo (filho), também, aí chamado de omon-tú ou “criança-nova”. O comportamento do iniciado em estado de “Ere” é mais influenciado por certos aspectos de sua personalidade, que pelo caráter rígido e convencional atribuído a seu orixá. Após o ritual do orúko, ou seja, nome de iyawo segue-se um novo ritual, ou o reaprendizado das coisas chamado Apanan.

        Nas nações, curiosidade sobre Ibejs:
        Símbolos: 2 bonecos gêmeos, 2 cabacinhas, brinquedos;
        Plantas: jasmim, maçã, alecrim, rosa
        Dia: domingo e segunda-feira para nações Ketu e Jeju Jexá;
        Cor:azul , rosa, verde, mas na verdade gosta do colorido em si.
        Metal: estanho. Seus elementos: fogo, ar.
        Saudação: Omi Beijada! Bejiróó! farami sóibeji!.
        Domínios: parto e infância. Amor união.
        Comidas: caruru, cocada, cuscuz, frutas doces.
        Animais: passarinhos.
        Quizilas: morte, assobio.
        Características: alegre, otimista, brincalhão, esperto, trabalhador, imaturo, birrento, voraz.
        O que faz: ajuda a resolver problemas de crianças, dá harmonia na família, facilita uniões.
        Riscos de saúde muitas vezes presentes em seus filhos: alergias, anginas, problemas de nariz, raquitismo, acidentes.

        A Umbanda incorporou muita coisa do Catolicismo e de algumas Nações, por isso deparamos com tamanha diversidade de informações e ritos. Sempre respeite ! Isaias Pintto Hernnanndes - Sacerdote e Fundador da Sagrada Umbanda de Pai Serafim do Congo, Cacique Pena Branca e Ogum de Ronda.










Imagem de Pintura da Maravilhosa Artista Plástica: Claudia Krindges

Imagem de Pintura da Maravilhosa Artista Plástica: Claudia Krindges


Imagem de Pintura da Maravilhosa Artista Plástica: Claudia Krindges

Imagem de Pintura da Maravilhosa Artista Plástica: Claudia Krindges

 

 

Imagem de Pintura da Maravilhosa Artista Plástica: Claudia Krindges








































Quem são os Ibêji?

Nas religiões afro-Brasileiras, Ibêji é formado por duas entidades distintas e indica a contradição, os opostos que coexistem. Por ser criança, é associado a tudo que se inicia: a nascente de um rio, o germinar das plantas, o nascimento de um ser humano.

As pessoas do candomblé freqüentemente temem Ibêji. Poderoso como todo orixá, a criança-divindade, entretanto, entende os pedidos de maneira simplista, o que pode levar a conseqüências imprevistas. Por outro lado, têm a reputação de ser extremamente fiel às pessoas que conquistam sua confiança.

No dia de Ibêji, 27 de setembro (o mesmo de São Cosme e São Damião, com os quais é sincretizado), é costume as casas de culto abrirem as portas e oferecer mesas fartas de doces e comidas para crianças, elevadas à condição de representantes do orixá na terra. Qualquer participação de Ibêji em cerimônias dá um toque alegre e inconseqüente a ela, sendo freqüente que as comidas ritualísticas a ele oferecidas recebam enfeites como fitas de cetim em cores vivas.

Descrição da Imagem: Em determinada Nação,Ibeji tem sua representação em desenho como dois meninos de etinia negra, com saiotes vermelhos e calça verde (mesmas cores de Cosme e Damião), estão descalços e carregam uma planta chamada espada de Ogum (orixá sincretizado com São Jorge). Já em outras Nações do Candomblé um casal de crianças negras.
A Ibêji se oferecem prendas de todas as cores e as roupas de seus filhos, em cerimônia, são multicoloridas. São homenageados aos domingos, recebendo como comidas rituais doces, bolinhos, balas, caruru de quiabos e vatapá.




Doum ? – mas Cosme e Damião não eram dois Gêmeos?

É dito que Cosme, Damião e Doum eram trigêmeos e que com a morte de Doum os outros dois irmãos se tornaram determinados em aprender e praticar a medicina para curar a todas as crianças, sempre de forma gratuita. Na Umbanda não podemos esquecer de oferecer também para Doum, porque senão ele faz uma tremenda bagunça podendo causar estragos na sua comemoração. Sendo ele Doum, respeitado e sempreo Homenageado  em nossos Rituais e informo que na Sagrada Umbanda ele é usado para Sincretizar Exu Mirim.   Doum ainda  é a representação daquelas crianças que morreram ainda bebês. Não devendo nunca cair em nosso esquecimento. Sendo o Protetor das Crianças com até Sete Anos.

Descrição da imagem: estátua em gesso onde aparece o terceiro irmão Doum no meio dos gêmeos.



Históricamente quem foram os irmãos Cosme e Damião antes de se tornarem Santos?
Há relatos que atestam serem originários da Arábia, de uma família nobre de pais cristãos, no século III. Seus nomes verdadeiros eram Acta e Passio.

Estudaram medicina na Síria e depois foram praticá-la em Egéia. Diziam “Nós curamos as doenças em nome de Jesus Cristo e pelo seu poder”.
Exerciam a medicina na Síria, em Egéia e na Ásia Menor, sem receber qualquer pagamento. Por isso, eram chamados de anargiros, ou seja, inimigos do dinheiro.

Descrição da Imagem: Santos Cosme e Damião realizando um transplante de perna, afresco (pintura) do artista Fra Angelico
Conta-se que eram sempre confiantes em Deus, que oravam e obtinham curas fantásticas. Também foram chamados de “santos pobres”. A partir do século V os milagres de cura atribuídos aos gêmeos fizeram com que passassem a ser considerados médicos. Mais tarde, foram escolhidos patronos dos cirurgiões.

Os gêmeos Cosme e Damião foram martirizados na Síria, porém é desconhecida a forma exata como morreram. Perseguidos por Diocleciano (O mesmo imperador miserável que também  torturou e decaptou S. Jorge),  foram trucidados e muitos fiéis transportaram seus corpos para Roma.

Descrição da Imagem:Afresco (pintura) autoria de Fra Angelico que mostra, com cores bem fortes e expressões marcantes, os  irmãos  Acta e Passio e mais dois não identificados com as cabeças decaptadas por um soldado portando uma espada, por ordem de Dioclesiano, diante de uma atenta platéia. Interessante é que os quatro martirizados tem uma auréola em torno das cabeças cortadas.

Foram sepultados no maior templo dedicado a eles, feito pelo Papa Félix IV (526-30), na Basílica no Fórum de Roma com as iniciais SS – Cosme e Damião.


Fontes :Wilipedia e Congá Sagrado
Uma dica desta postagem é conhecerem os trabalhos da Artista Plástica Claudia Krindges, Gaúcha, que cria, pinta a Arte dos Orixás em Painéis, Caiseta, Quadros. Parabéns Cláudia, você é muito importante para as Religiões Afro-Indigena-Brasileira.





Erês na Umbanda
Na Umbanda, erês, ibejada, dois-dois, crianças, ou ibejis são entidades de caráter infantil, que simbolizam pureza, inocência e singeleza e se entregam a brincadeiras e divertimentos. Pedem-lhes ajuda para os filhos, para fa

zer confidências e resolver problemas. Geralmente supõe-se que são espíritos que desencarnaram com pouca idade e trazem características de sua última encarnação, como trejeitos e fala de criança e o gosto por brinquedos e doces. Diz-se que optaram por continuar sua evolução espiritual através da prática de caridade, incorporando em médiuns nos terreiros de Umbanda.

São tidos como mensageiro dos Orixás, respeitados pelos caboclos epretos-velhos. Geralmente, são agrupados em uma linha própria, chamada de Linha das Crianças. Em algumas Umbandas que seguem o segmento criado por um antigo Umbandista de nome Woodrow Wilson da Matta e Silva, mais conhecido como W. W. da Matta e Silva, apresentam a Linha de Crianças como Linha de Yori. Nós da Sagrada Umbanda chammos de Linha de Ibêji, já que este é o nome do Orixá que se apresenta com duas crianças no polo feminino e outro no polo masculino. Por isso o Sincretismo com Cosme e Damião, Mártires que foram consagrados Santos pela Igreja Católica, bem como respeitado como tal pelas Ordens Espirituais, pela Luz que conquistaram com suas ações elevação espiritual . Os Erês (espíritos iluminados qu se apresentam como crianças), costumam ter nomes típicos de crianças brasileiras, como Rosinha, Mariazinha, Ritinha, Pedrinho, Paulinho, Vítor, Cosminho.etc. Seus líderes de falange incluem Cosme e Damião. Seus Médiuns Irradiados, comem bolos, balas, refrigerantes, tradicionalmente guaraná e frutas. Quando vocês assistidos e visitantes de um determinado Centro, Casa de Trabalho de Umbanda e depararem com crianças birrentas, mal comportadas, bagunceiras....tenham certeza....ali tem um médium mal preparado. Pois as Crianças na verdade são verdadeiros Magos da Luz, mas os médiuns precisam ter a grandeza de saber receber as irradiações e traduzir simultaneamente, se desprendendo dos próprios pensamentos e articulações de fala, pedidos, etc. Pois os novos e mal preparados tendem a buscar no próprio íntimo e externar "SUAS" ações. Por isso a Gira de Criança parece uma Gira de Festa de Criança, mas na verdade ocorre OS SAGRADOS TRABALHOS DE EQUALIZAÇÕES ENERGÉTICAS E EQUILÍBRIOS DA ORDEM EMOCIONAL, FÍSICA E ESPIRITUAL .


Diz-se que os pedidos feitos a uma criança irradiada ou como chamam incorporada (frequentemente de cura) normalmente são atendidos de maneira bastante rápida, mas não prometa algo se não for cumprir, pois lembrem-se crianças ficam sempre na especitativas do que prometemos a elas. Muitas pessoas quando pedem algo, são indagadas pelos espíritos que se apresentam em forma fluídica de crianças, se também darão alguma coisa, normalmente é uma mudança de comportamento negativo, um vício, pedem um docinho , um brinquedinho, a ser entregue ao chegar à graça, porém na verdade é com intenção de firmar o compromisso e forma de lembrar que o assistido tem que dar sua aprte , a mudança da coisa negativa em positiva........ pensem nisso. Ysaias Pintto _ SACERDOTE SAGRADA UMBANDA
- http://sagrada-umbanda.blogspot.com.br/





















































São Cosme e São Damião, os santos gêmeos, nasceram na Arábia, no século III, filhos de uma família nobre. Estudaram medicina na Síria e depois foram praticá-la em Egéia. Entraram em contato com o Cristianismo, e tornaram-se fervorosos seguidores. Confiando sempre no poder da oração e na confiança da providência divina usaram sua arte médica para curar os necessitados. Não cobravam por seus serviços médicos, e por esse motivo eram chamados de "anárgiros", ou seja, aqueles que "não são comprados por dinheiro". O seu objetivo principal era a conversão dos pagãos à fé cristã, o que bem faziam através da prática da medicina. Desta forma, conseguiram plantar em terra fértil a semente cristã em muitos corações, sendo numerosas as conversões.

Cosme e Damião viveram alguns anos como médicos e missionários na Ásia Menor. As atividades cristãs dos médicos gêmeos chamaram a atenção das autoridades locais da época, justamente quando o Imperador romano, Diocleciano, autoriza a perseguição aos cristãos, por volta do ano 300. Por pregarem o cristianismo em detrimento dos deuses pagãos, foram presos e levados a tribunal e acusados de se entregarem à prática de feitiçarias e de usar meios diabólicos para disfarçar as curas que realizavam. Ao serem questionados quanto as suas atividades, São Cosme e São Damião responderam: "Nós curamos as doenças em nome de Jesus Cristo e pelo seu poder". Recusando-se adorar os deuses pagãos, apesar das ameaças de serem torturados, disseram ao governador que os seus deuses pagãos não tinham poder algum sobre eles, e que eles só adorariam o Deus Único, Criador do Céu e da Terra.

Por não renunciarem aos princípios religiosos cristãos sofreram terríveis torturas. Porém, elas foram inúteis contra os santos gêmeos, e em 303 o Imperador decretou que fossem decapitados e martirizados na Egéia. Os santos gêmeos são cultuados em toda a Europa, especialmente Itália, França, Espanha e Portugal. São Cosme e Damião são venerados como padroeiros dos médicos e farmacêuticos, e por causa da sua simplicidade e inocência também são invocados como protetores das crianças.

O culto aos dois irmãos é muito antigo, havendo registros sobre eles desde o século V, que relatam a existência, em certas igrejas, de um óleo santo, que lhes levava o nome, que tinha o poder de curar doenças e dar filhos às mulheres estéreis. No Brasil, a devoção trazida pelos portugueses misturou-se com o culto aos orixás-meninos (Ibejis ou Erês) da tradição africana yorubá. Cosme e Damião, são amplamente festejados na Bahia e no Rio de Janeiro, onde sua festa ganha a rua e adentra aos barracões de candomblé e terreiros de umbanda. No dia 27 as crianças saem às ruas para pedir doces e esmolas em nome dos santos e as famílias aproveitam para fazer um grande almoço, servindo a comida típica da data, o chamado caruru dos meninos.

Uma característica marcante na Umbanda e no Candomblé em relação às representações de São Cosme e São Damião é que junto aos dois santos católicos aparecer uma criancinha vestida igual a eles. Essa criança é chamada de Doum, que personifica as crianças com idade de até sete anos de idade, sendo ele o protetor das crianças nessa faixa de idade.



quinta-feira

ESPÍRITO: CONSCIÊNCIA VIVA. CUIDADO COM A LEI DE ATRAÇÃO .

LEI DE ATRAÇÃO E ESPÍRITO O QUE É ?
ESPÍRITO: CONSCIÊNCIA VIVA
" Quem está vendo a Ana Maria Braga, nesse instante deve estar lembrando das falas do Cacique Pena Branca, que Espíritos nada mais são que "Consciências Vivas." Uma coisa muito interessante que levantei no ultimo dia do Curso da Sagrada Umbanda, quanto a fala do Mestre Jesus, quando na Cruz, tendo os dois ladrões e assassinos, qu...e a bíblia intitula de "bom ladrão" - Isso existe? A fala do Mestre Jesus mostrada na tradução em português e outros idiomas:“E DISSE-LHE JESUS EM VERDADE TE DIGO HOJE ESTARÁS COMIGO NO PARAÍSO” Lucas 23:43
Porém meus amigos leitores e participantes do Curso da Sagrada Umbanda, “Quando os livros da Bíblia foram escritos, não existiam nem a divisão das palavras, nem os sinais de pontuação. Por meados do Século III d.C., Ammonio de Alexandria dividiu os evangelhos em seções curtas, para comparar as passagens paralelas ou parecidas.”
“A divisão atual de todos os livros da Bíblia em capítulos foi feita pelo cardeal Hugo de Sancher, em meados do Século XIII d.C. O Novo Testamento foi dividido em versículos no Século IX d.C., por Roberto Estiene, em sua edição grega desta segunda parte da Bíblia.”
“Deveria ser observado que a vírgula entre as palavras ‘te’ e ‘hoje’ foi intercalada pelos tradutores. O texto grego original, que não tem pontuação nem divisão de palavras, diz:
‘amem soi legõ sêmeron met emou esê en tõ paradisõ’
literalmente:
‘em verdade a-ti Eu digo hoje comigo tu-estarás no paraíso’
“O advérbio sêmeron, ‘hoje’, encontra-se entre os verbos legô, ‘eu digo’, e esê, ‘tu estarás’, e pode com propriedade aplicar-se tanto a um como a outro. Sua posição imediatamente seguinte ao verbo legô, ‘eu digo’, pode implicar numa relação gramatical mais íntima com este verbo do que com o verbo seguinte, esê, ‘estarás’. – The Seventh-day Adventist Bible Commentary.

Agora Irmãos e participantes do Curso da Sagrada Umbanda, coloquemos a vírgula:
“E DISSE-LHE JESUS: EM VERDADE TE DIGO HOJE, ESTARÁS COMIGO NO PARAÍSO” Ou seja Jesus mostra naquele dia, naquele momento o ensinamento que o tal ladrão, com certeza também o outro e todos nós..... Estaremos com Ele no paraíso, que nada mais é chegar à Paz através da evolução, que só dependerá de nós, no exercício correto do livre-arbítrio. Vocês diriam que Jesus Cristo seria mentiroso, se conhecem o que a Bíblia informa até Jesus Cristo, não foi direto para o Paraíso, Veja: ...... Foi Crucifixado, Morto e Sepultado....(Guardado numa gruta não é mesmo?) Desceu à mansão dos mortos.... Ressuscitou ao terceiro dia... Subiu aos Céus.... Está sentado ao lado de Deus Pai Poderoso.... De onde há de julgar os Vivos e os Mortos.

Ou seja.... Tudo isso que eu Isaias Pinto escrevo não é para desacreditar da Bíblia ou duvidar de Jesus, longe disso, mas sim para mostrar que uma vírgula muda tudo. Que o Mestre Jesus nos mostrava que a morte é só uma passagem.... E quando dita que os Mortos cuidem dos Mortos, mostrava que o Corpo físico pouco importava depois do desligamento do Espírito. Jesus Cristo em carne era alegre, festivo, vivo, bebia bons vinhos nas festas que arrumava para levar seu povo em alegria, comia carne de cordeiro, amava com amor do Alto e da Terra, falava pouco, mas quando falava mesmo em parábolas ensinava, alertava, indicava, registrava a verdade. Faça isso Viva ! Viva como Jesus, que mesmo sabendo que tudo que passaria, enfrentou o único demônio que existe e habita todos nós a Consciência, enfrente o seu e siga em felicidade, mesmo sabendo que a passagem por aos olhos dos outros é mais ou menos penada, é dolorida e que você não poderá acreditar agora nem nunca numa outra mentira que falam em volta de caixões ou de urnas de cinzas...: - Agora Ele(a) descansou ! Amados Irmãos...Isso não existe ! Espírito, Consciência Viva como ensina o Cacique Pena Branca, terá que trabalhar arduamente para continuar evoluindo.... Para sim um Dia voltar a ser parte do Criador..... Luz..... Vibrante...... E quem disse que vibrar não é trabalhar? Deus abençoe a todos, beijos. Isaias Pinto Hernandes - Sacerdote da Sagrada Umbanda de Pai Serafim do Congo, Cacique Pena Branca e Ogum de Ronda, uma das tantas variantes da Umbanda.

LEI DA ATRAÇÃO: "POSITIVO ATRAI POSITIVO, NEGATIVO ATRAI NEGATIVO. POSITIVO AFASTA NEGATIVO, NEGATIVO SE AFASTA DE POSITIVO." FIQUE A CHORAR......ATRAIRÁ ESPÍRITOS QUE ESTÃO NESSA VIBRAÇÃO OU SE VALEM DESSE SOFRIMENTO. FIQUE A ALIMENTAR RAIVA, DESÂNIMO, VINGANÇA, ÓDIO, IRA, CÓLERA, INVEJA, COBIÇA, AVAREZA, CIUMES E TANTOS OUTROS SENTIMENTOS NEGATIVOS...ATRAIRÁ ESPÍRITO OU LEGIÕES DE ESPÍRITOS QUE SE ENCONTRAM NESSAS VIBRAÇÕES. PENSE POSITIVO, VIBRE LUZ, AMOR, ALEGRIA, MOTIVAÇÃO, PERDÃO, CARINHO SEM COBRANÇAS, AGRADECIMENTOS, AFEIÇÃO, ENTENDIMENTOS, COMPREENSÃO E TANTOS OUTROS SENTIMENTOS SALUTARES E NOBRES E TERÁ AFASTADOS ESPÍRITOS NEGATIVOS E COM CERTEZA SEMPRE PRESENTE ESPÍRITOS TRABALHADORES NA LUZ E NO AMOR. SÓ DEPENDE DE VOCÊ..... SE ESTÁ DIFÍCIL ? PROCURE UMA RELIGIÃO AMPARADORA, QUALQUER UMA QUE LHE ATRAI..... POIS ESTÁ ATRAÇÃO DE CULTURA, DE EVOLUÇÃO, DE CRENÇA..... TAMBÉM EXISTE ! UMAS PESSOAS PRECISAM DE GRITOS, OUTROS DE SERMÕES, OUTRAS DE ESTUDOS COMPLEXOS , OUTROS AINDA DE SILÊNCIO ABSOLUTO, OUTROS DO ECOAR DOS SONS DO TAMBORES, OUTROS ASSISTIREM SHOWS PIROTÉCNICOS....... MAS O QUE IMPORTA QUE LÁ NA FRENTE DESCUBRAM QUE O QUE VALE É SÓ O AMOR. AMOR QUE NÃO EXIGIA COMPLEXIDADE, NEM GRITOS, NEM PALMAS, NEM DANÇA, NEM SILÊNCIO, NEM BRINDES, NEM PROMESSAS, NEM NADA DISSO....... MAS VAMOS LÁ CADA UM NO SEU CAMINHO BUSCANDO O AMOR. DEUS ESTEJA COM TODOS VOCÊS. Isaias Pintto Hernnanndes.